Franquia de spa é tendência no turismo de saúde e bem-estar

Franquia de spa é tendência no turismo de saúde e bem-estar

turismo de saúde

O turismo de saúde e bem-estar é um dos mercados que mais prosperam nos últimos anos, tendo registrado crescimento maior que o dobro do turismo geral nos anos pré-pandemia, segundo dados do Global Wellness Institute. A previsão é de que este mercado chegue a US$ 919 bilhões (18% de todo o turismo global) até 2022.

Os longos meses de confinamento devido à pandemia de Covid-19 criaram uma necessidade ainda maior pelo turismo de saúde, que é um nicho especializado em atendimento de qualidade e serviços voltados ao bem-estar do cliente. A busca é por locais que tragam aos viajantes uma extensão do estilo de vida saudável, seja com terapias holísticas, meditações ou day spas, como os oferecidos nas franquias do Buddha Spa.

A pandemia paralisou todo o mundo, impactando diretamente a economia de diversos setores. De certa forma, o segmento de saúde e bem-estar também foi prejudicado em um primeiro momento, mas o turismo de saúde conseguiu se reerguer rapidamente e manteve-se firme diante dos obstáculos.

Estabelecimentos renomados já seguiam anteriormente protocolos de segurança, garantindo aos clientes a qualidade esperada de ambientes de padrão elevado. Por isso foi fácil adaptar a rotina e incluir precauções extras, como a utilização de máscaras e novos protocolos de atendimento. 

A hospitalidade passou a privilegiar modalidades de atendimento individual que, em conjunto com as novas condutas das empresas aéreas e agências de viagens, favoreceu o deslocamento seguro do público.

Siga com a leitura para compreender um pouco mais sobre o fenômeno do turismo de saúde e bem-estar e para conhecer a franquia Buddha Spa, que se tornou uma das principais franquias de sucesso no Brasil, com mais de 40 unidades no país.

Para informações mais detalhadas sobre turismo de saúde e bem-estar, serviços, tratamentos, produtos, treinamentos e muito mais, você pode baixar nosso e-book e ficar por dentro de tudo que este mercado tem a oferecer!

 

Turismo de saúde e bem-estar no mundo

A modalidade de turismo de saúde, uma das formas mais antigas de turismo do mundo, remonta a tempos ancestrais de locais como a Grécia Antiga e Roma. No Oriente, países como Turquia e Japão possuem até hoje casas de banho, consideradas não apenas espaços de convivência, mas também estabelecimentos adequados para receber tratamentos de beleza, saúde e bem-estar. 

A busca permanece a mesma, entretanto atualmente contamos com spas urbanos, estâncias e resorts, que lançam mão de técnicas inovadoras para atender com perfeição os clientes seletivos deste mercado em expansão. 

Quem busca por turismo de saúde é classificado em dois perfis, segundo o GWI: turistas de bem-estar primários e secundários. Entretanto, é natural que uma mesma pessoa possa fazer os dois tipos de viagem diante de circunstâncias e destinos diferentes. 

Os turistas primários são pessoas que escolhem destinos e acomodações em busca de bem-estar, enquanto os secundários buscam por uma extensão de seu estilo de vida durante as viagens, onde adquirem experiências e produtos durante a estadia. 

Em ambos os casos, estes clientes buscam por ambientes que disponham de serviços como aromaterapias, massagens, procedimentos estéticos, terapias holísticas e tratamentos ayurvédicos, este último um dos carros-chefes do Buddha Spa.

“É cada vez mais comum encontrarmos clientes provenientes de outros destinos. Seja para férias, negócios ou para visitar parentes, muitas pessoas aproveitam para agendar uma sessão, um day spa ou até mesmo um combo de serviços durante o período da viagem. Este fluxo tem aumentado consideravelmente nos últimos anos”, afirma Fernanda Kawahara, coordenadora técnica do Buddha Spa.

O atendimento especializado é um dos principais diferenciais do setor, sendo necessário um extenso treinamento e melhoria constante dos profissionais que trabalham na área. É um mercado em expansão de serviços e produtos, e vem atraindo empresas famosas que enxergam no turismo de saúde e bem-estar uma oportunidade de oferecer aos seus clientes novas experiências, fidelizando-os ainda mais à sua marca.

 

Turismo de saúde e bem-estar: definição

Antigamente, o turismo de saúde e bem-estar era reconhecido como um ramo no qual o ato de viajar estaria diretamente ligado a tratamentos médicos, cirúrgicos ou ligados à saúde. Entretanto, este cenário está mudando nos últimos anos.

Apesar do Brasil ser reconhecido como um dos países que mais recebe turistas para cirurgias estéticas, o turismo de saúde e bem-estar vem sendo ampliado para um ramo que atende também quem busca experiências de vida, tratamentos holísticos e melhora da saúde mental.

Ambas as modalidades, tanto saúde quanto bem-estar, são muito antigas, e contam com hotéis, spas, recursos naturais, técnicas, tratamentos e profissionais capacitados para atender a demanda do público. 

A pandemia de Covid-19 acelerou o crescimento do mercado, uma vez que houve um aumento significativo na discussão sobre saúde mental e qualidade de vida. Com isso as pessoas passaram a buscar locais que oferecessem serviços de qualidade, que seguissem os protocolos de segurança da Organização Mundial da Saúde (OMS).

 

Turismo de saúde Brasil: mercado do bem-estar em expansão

No Brasil, o turismo de saúde é um mercado já consolidado. De acordo com dados do Ministério do Turismo, quem mora no exterior e viaja para cuidar da saúde em terras brasileiras permanece no país em torno de 22 dias, além de gastar cerca de R$ 660 diários.

O turismo de saúde e bem-estar vai muito além dos retiros e dos spas, sendo um nicho que trata também de sustentabilidade, história local, aspectos culturais e tudo que envolva fornecer uma experiência única para o viajante.

O Brasil conta com várias opções de lugares que oferecem este tipo de serviço, como as fontes termais em Minas e Goiás, os resorts no Nordeste e a famosa cidade de Gramado, no Sul do país, onde é possível ver até neve em alguns períodos do ano.

“Temos unidades espalhadas em diversas cidades e vendemos vouchers das nossas terapias online. Comprando no site, os clientes conseguem se programar. Isso facilita muito. Depois, é só aproveitar a viagem e relaxar em nossos spas”, ressalta Fernanda Kawahara.

 

Franquias voltadas para o turismo de bem-estar

Todas estas regiões mencionadas recebem milhares de turistas todos os meses e, além dos programas conhecidos, também apresentam uma infraestrutura completa, e contam com estabelecimentos treinados para oferecer produtos e serviços voltados ao turismo de bem-estar.

Durante uma viagem com foco em descanso e saúde, é natural que os turistas busquem por outras alternativas no local que possam proporcionar experiências únicas, e uma franquia tem a vantagem de oferecer atendimento especializado em qualquer lugar do país.

 

Como a Buddha Spa se destaca no mercado de turismo de saúde

O mercado brasileiro de turismo de saúde e bem-estar está em constante expansão, entretanto é necessário treinar profissionais para atender a demanda crescente deste público tão exigente. 

O Buddha Spa prepara todos os funcionários em um programa de imersão de 35 dias, ensinando sobre toda a parte técnica e a qualidade dos serviços oferecidos pelos spas da rede, além de terem acompanhamento técnico ao longo de todo o processo e também no início da vivência.

Os colaboradores absorvem a cultura do “sentir-se bem” e do “bem-estar” como diretrizes internas, de forma que esta é a principal conduta passada aos clientes do spa.

 

Vale a pena ter uma franquia Buddha Spa

Nacionalmente conhecido, o Buddha Spa conta com uma reputação impecável sobre seus serviços, produtos e atendimento. A imersão e o acompanhamento dos profissionais garantem ao franqueado a certeza de ter um estabelecimento de sucesso.

Também oferece vários programas de capacitação aos seus profissionais, além de avaliações semestrais, desenvolvimento de carreira e a conquista de novos benefícios. 

A qualidade do serviço é garantida pela estabilidade profissional oferecida pela empresa, que busca sempre ser um local de bem-estar, tanto para seus clientes quanto para seus profissionais.

Existem diversas opções de franquias, compreendendo desde quiosques a partir de 12 m² a unidades de rua com 150 a 600 m². Confira agora mesmo nossa apresentação e seja um franqueado Buddha Spa.

Compartilhe esta notícia!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Últimas Postagens